Skip to content

Como conectar um dispositivo pendrive USB 2.0 a uma porta USB 3.0? – Muito fácil

As características de uma porta USB geralmente não atraem a atenção das pessoas. Existem diferentes tipos de hardware hoje e cada um tem diferentes vantagens e benefícios.

Dispositivos USB permitem a transferência de dados para computadores de maneira fácil e eficiente . Porém, os cuidados com o referido dispositivo devem ser cautelosos para preservar a otimização do mesmo.

Como conectar um dispositivo pendrive USB 2.0 a uma porta USB 3.0? – Muito fácil

O que é USB?

Como uma breve introdução, é importante esclarecer o conceito de USB ( Universal Serial Bus ). Este é o nome dado a uma interface que é ativada quando um dispositivo é conectado.

O computador pode funcionar sem maiores problemas com o dispositivo conectado , por isso não precisa da instalação de drivers para ele. Esse caso pode ser evidenciado em dispositivos como teclados, mouses, pen drives e memórias.

USB 2.0

Como tudo relacionado ao mundo dos computadores, cada um dos componentes que fazem parte de um computador pode evoluir de forma mais do que favorável. Nesse sentido, a tecnologia USB 2.0 oferece uma velocidade de transferência de dados de pelo menos 60 MB por segundo.

  • Esta tecnologia Universal Serial Bus está presente na grande maioria dos computadores hoje.
  • Permite a conexão perfeita de dispositivos como memórias, câmeras, impressoras, telefones celulares, entre outros.
  • No entanto, os conteúdos multimídia não ficaram imunes a constantes evoluções, e a alta qualidade desses arquivos tem sido um obstáculo neste tipo de tecnologia.

Super USB 3.0

Dada a alta definição de conteúdo multimídia , decidiu-se evoluir a capacidade das portas USB. Nesse sentido, se as portas USB 2.0 eram chamadas de Hi-Speed ​​USB, a 3.0 passou a ser apresentada como Super-Speed ​​USB.

Leia  Como capturar a tela de bloqueio ou fazer login no Windows 10

Eles estão certos? Todos! Embora sejam esteticamente idênticos, a velocidade de transferência é muito maior do que a versão 2.0 , transferindo arquivos de alta definição a 4,8 GB por segundo.

  • Uma desvantagem dessa versão das portas é que ela não está disponível para muitos computadores.
  • Em velocidade mais alta, maior consumo. A porta USB 3.0 consome aproximadamente 900 mA, o que é 400 mA a mais que a versão 2.0 (500 mA)

Uso invertido

Você pode usar um dispositivo de tecnologia USB 2.0 em uma porta USB 3.0 e vice-versa? Certamente você já fez isso antes e nem percebeu. Em ambos os casos, é possível usar dispositivos USB em qualquer porta , independentemente da tecnologia utilizada.

Imposição de limites

Embora seja verdade que haja compatibilidade retroativa entre dispositivos e portas, isso não significa que eles possam trabalhar com a velocidade que os caracteriza. Nesse sentido:

  • Ao conectar um dispositivo USB 2.0 a uma porta que utiliza a tecnologia 3.0, você não conseguirá aproveitar a velocidade que caracteriza a porta, ficando na velocidade padrão de 60 MB por segundo.
  • A mesma coisa acontece ao contrário. Ao conectar um dispositivo USB 3.0 a uma porta de tecnologia 3.0, os recursos de velocidade de transferência de arquivos do dispositivo serão significativamente reduzidos.

Casos de incompatibilidade

Conforme observado acima, a tecnologia de porta USB 2.0 é encontrada na grande maioria dos computadores em todo o mundo.

  • Muitos desses computadores ainda possuem sistemas operacionais Windows antigos , como a versão XP, só poderia ser possível usar dispositivos USB 2.0.
  • Para versões posteriores ao Windows XP, há maior capacidade de resposta em termos de conexão de dispositivos e portas de diferentes versões.
  • Alguns usuários relataram problemas ao testar a compatibilidade com versões anteriores de dispositivos e portas no Windows 8, criando a necessidade de baixar e instalar programas que poderiam resolver esses problemas.
  • Uma das versões mais estáveis ​​do Windows em termos de compatibilidade com versões anteriores de dispositivos e portas de diferentes tecnologias é o Windows 10 , mas é claro, você deve sempre ter em mente a limitação de velocidade.
Leia  Como saber se meu iPhone Phone está bloqueado por IMEI ou iCloud na Apple?